Revista Aveworld - Rica Alimentos usa ECODRYER

Rica Alimentos usa equipamento da Supergasbras para secagem de resíduos

Ecodryer reduzirá em 20% o custo de descarte de resíduo e vai produzir subproduto para geração de energia

A Supergasbras, empresa do grupo SHV Energy – líder mundial em distribuição de Gás LP – vai fornecer o Secador de Lodo e Resíduos, Ecodryer, para a Rica Alimentos. Com o equipamento, alimentado por Gás LP, será possível reaproveitar detritos, antes descartados, para a geração de energia, auxiliar a companhia na melhor gestão dos seus resíduos, além de gerar economia de 20% nos custos. A Supergasbras está investindo R$ 400 mil no projeto.

Dentro do seu modelo de negócio que busca oferecer soluções energéticas customizadas aos seus clientes, a Supergasbras identificou que a gordura gerada no processo produtivo dos frangos poderia ser reaproveitada. A Rica produz 80 toneladas por mês do resíduo, que anteriormente era descartado. Com o uso do Ecodryer, que reduz até 95% da umidade do material, foi possível produzir 17 toneladas do produto para ser reaproveitado no aquecimento das caldeiras da empresa. Esse co-produto é extremamente eficaz, pois gera três vezes mais energia que a lenha, insumo anterior.

“Oferecemos ao nosso cliente uma solução inovadora. Além de auxiliarmos na melhor gestão de resíduos, também geramos novo produto de alto valor agregado, que pode alimentar o processo produtivo de maneira econômica e ambientalmente responsável. Com 20% de redução de custo em relação ao descarte, a companhia deixará de consumir 174 m³ de lenha, combustível poluente”, explica Mauro Azevedo, Gerente de Venda Direta RJ-MG da Supergasbras.

A Rica Alimentos atinge cerca de 90% do mercado do Rio de Janeiro e abate 170 mil aves por dia. São 7,7 milhões de frangos alojados.  “Nossa parceria com a Supergasbras começou com o aquecimento das granjas. Hoje, praticamente toda a parte de aquecimento é feita com Gás LP. O trabalho em conjunto foi além e nós conhecemos o Ecodryer. De forma pioneira, o equipamento foi customizado para a Rica Alimentos e nosso resíduo hoje passa pela secagem e vira insumo em caldeiras.  Somos uma empresa preocupada com o meio ambiente e com o Ecodryer conseguimos ter uma fonte de energia limpa”, comemora Alexandre Igayara, Presidente da Rica Alimentos.

O Ecodryer – Secador de Lodo e Resíduos

Desenvolvido pela Supergasbras em parceria com a Akhenaton — especializada em tecnologia de secagem —, o Secador de Lodo e Resíduos (Ecodryer) está fazendo sucesso entre as indústrias. Alimentado por Gás LP, o equipamento reduz a umidade dos detritos industriais e auxilia as empresas na gestão de resíduos, possibilitando um novo aproveitamento como insumo ou diminuindo o custo de descarte. Há redução da contaminação dos lençóis freáticos e da demanda por espaço de armazenamento. Fruto de três anos de pesquisa, o equipamento foi lançado em 2010.

Uma das grandes preocupações das indústrias e dos ambientalistas é a correta gestão dos resíduos gerados pelo processo produtivo das empresas e para isto, o governo federal editou a Política Nacional de Resíduos Sólidos, tratada na Lei no 12.305, de 2 de agosto de 2010. O secador surge como uma opção para auxiliar as companhias a contribuírem com o meio ambiente e ainda, conseguirem rentabilizar seu lixo.

A redução do custo ocorre também por não haver necessidade de transporte para descartar os resíduos e menos gastos com combustível. O ganho ambiental  é ainda maior, já que o Secador de Lodo e Resíduos é movido a Gás LP – um combustível limpo, com combustão completa, que não danifica as máquinas e tem menor geração de CO².

O secador tem duas versões: uma para uso em grande escala e um mecanismo móvel, facilmente transportado que serve para testes na planta do cliente. Entre as indústrias que podem se beneficiar do equipamento, estão as fábricas de papel, abatedouros, produtores de erva-mate, produtores de frango e peru, a indústria de galvanizados, materiais ferrosos e resíduos alimentares.

Fonte: Revista AVEWORLD (link da matéria)